As preocupações de intervenção social estão bem patentes, no objetivo que orientou a Junta de Freguesia de Cacia a criar o Gabinete de Psicologia para a sua população.

Estaremos todos de acordo quando afirmamos que todas as atividades e comportamentos pessoais e organizativos, por mais heterogéneos que sejam, têm de contar com algo de fundamentalmente comum, uma orientação enraizada na nossa cultura e história.

Assim, os princípios orientadores desta resposta psicossocial são os seguintes:

Equidade – Proceder de forma justa e imparcial, atuando segundo princípios de neutralidade, não prejudicando nem beneficiando ninguém em função da sua ascendência, idade, sexo, orientação sexual, convicções políticas, ideológicas ou religiosas, nível socioeconómico ou condição de saúde;

Individualidade – Respeito pelas características individuais e experiências de vida que definem cada pessoa e a tornam única;

Autodeterminação – Respeitar, tanto quanto possível, as escolhas e decisões dos indivíduos é um fator essencial para o seu bem-estar físico e emocional.

Autonomia – Promover e incentivar a autonomia dos indivíduos, encorajando tanto quanto possível, a sua independência e autossuficiência;

Confidencialidade – Preservar a integridade e privacidade dos indivíduos, assim como atuar com reserva e discrição no que respeita a informações pessoais de caráter sigiloso, não as divulgando ou utilizando em proveito pessoal e/ou de terceiros;

Qualidade – Cultivar a eficiência, o rigor e a transparência nas nossas práticas, de modo a prestar serviços personalizados e com qualidade, orientados para o individuo e para a sociedade.

Departamento de Psicologia

GIPF – Gabinete de Intervenção na Parentalidade e Família


Os serviços apresentados são confidenciais, gratuitos para a população recenseada na Freguesia de Cacia e estão a funcionar nas instalações da JF Cacia.

Horário: 2ª a 6ª feira

Manhã: 10h00-12h30

Tarde: 14h30-17h30

Contatos:

Telf. 234 912 439

Email: psi.jfcacia@gmail.com

top